28.09.2018

Gosto ruim na boca: saiba o que está acontecendo com a sua saúde bucal

Sentir gosto ruim na sua boca é sempre um sinal de algo não vai bem com a sua saúde bucal. Saiba o que pode estar acontecendo e como tratar o quadro!
Sentir gosto ruim na sua boca é sempre um sinal de algo não vai bem com a sua saúde bucal. Saiba o que pode estar acontecendo e como tratar o quadro!

Você tem sentindo um gosto ruim na boca ao acordar? Ou a garganta seca mesmo tomando água? Se sim, é importante ligar o sinal de alerta! Isso porque esses sintomas podem indicar a presença de algumas doenças bucais, como periodontite e gengivite, que podem causar danos irreversíveis a sua saúde bucal. Além desses, existem outros fatores que também podem resultar no gosto ruim na boca. Para entendê-los melhor, contamos com a ajuda da dentista Beatriz Bussab. Veja a seguir!

Gosto ruim na boca: entendas as principais causas

Ao contrário do que muitos pacientes acreditam, sentir gosto ruim na boca está longe de ser um quadro normal - ainda que alguns alimentos, como alho, pimenta e cebola, possam intensificar a sensação. “Gosto ruim na boca pode ter várias causas, entre elas, a má higienização bucal”, destaca a profissional.

Outro fator responsável pelo gosto ruim na boca é a utilização de determinados remédios, como antidepressivos, tabagismo e doenças da gengiva, como periodontite e gengivite. Além disso, a condição também pode ser sinônimo de quadros mais sérios, como uma infecção local causada por fungos ou consequência de refluxo.

A diminuição do fluxo salivar também pode piorar o quadro. A xerostomia, como é conhecida, pode colaborar com a proliferação de bactérias na cavidade bucal que causam o gosto amargo.

O que fazer ao sentir gosto ruim na boca?

Ao notar o gosto ruim, a primeira reação é sempre buscar formas para driblar o incômodo. Nesse caso, não pense que basta mascar um chiclete para resolver a situação. A tática pode até amenizar a sensação de gosto ruim na boca por alguns instantes, mas não elimina o problema. Para isso, a profissional recomenda: “Deve-se sempre manter uma boa higiene bucal e descobrir a causa por um profissional”.

A limpeza deve ser realizada, pelo menos, três vezes ao dia. “No entanto, as cerdas da escova não alcançam toda a superfície do dente e, por isso, é necessário o uso do fio dental todos os dias”, aconselha Beatriz. Outra recomendação da dentista para amenizar o gosto ruim na boca é evitar o consumo de alimentos ricos em carboidratos e manter as visitas regulares ao consultório. “Visite seu dentista a cada 6 meses para uma avaliação e uma limpeza dental”, afirma a especialista.

6 passos para prevenir o gosto ruim na boca

  • Invista em uma boa rotina de higiene bucal, lembrando sempre de escovar os dentes por cerca de 2 minutos;

  • Utilize um raspador de língua para higienizar a região ao menos uma vez ao dia;
  • Aposte em uma alimentação balanceada evitando alimentos gordurosos e açucarados, especialmente à noite para prevenir o refluxo gástrico - que também pode causar o gosto ruim na boca;
  • Consuma, ao menos, dois litros de água por dia para manter a boa salivação;
  • Avalie com seu médico a possibilidade de substituir ou diminuir a dose de medicamentos e suplementos vitamínicos que costumam a contribuir para o gosto ruim na boca;
  • Lembre-se de fazer a troca da escova de dentes a cada três meses. Dessa forma, é possível evitar o acúmulo de bactérias no acessório que tendem a favorecer o gosto ruim na boca.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Beatriz Bussab - Cirurgiã-dentista
Osasco - SP
CRO-SP 125369

Artigo atualizado em 24/08/2021.


TODAS AS MATÉRIAS: higiene bucal