02.06.2022

Quem tem sensibilidade nos dentes pode fazer clareamento dental?

Quem tem sensibilidade nos dentes pode fazer clareamento, desde que o caso tenha sido avaliado anteriormente por um dentista
Quem tem sensibilidade nos dentes pode fazer clareamento, desde que o caso tenha sido avaliado anteriormente por um dentista

Antes de realizar sessões de clareamento dental, é muito importante fazer exames clínicos e radiográficos, sabia? Afinal, o paciente não pode estar com nenhuma cárie, ou outro problema bucal, antes de passar por esse tipo de procedimento. Quem tem sensibilidade nos dentes, por exemplo, será que pode fazer clareamento? Quais são os cuidados necessários com a higiene bucal nesse período? O Sorrisologia conversou com a dentista Julliane Gonzalez, que esclareceu se pessoas com sensibilidade dental podem (ou não) passar por esse tratamento odontológico. Confira!

Afinal, quem tem sensibilidade nos dentes pode fazer clareamento? 

De acordo com a dentista Julliane Gonzalez, para afirmar se o paciente pode fazer clareamento dental (caseiro ou de consultório), é indispensável que o caso seja avaliado por um dentista. Se a sensibilidade dentária tiver origem em um problema bucal maior, é necessário focar na recuperação da saúde do paciente antes de tudo.

 “É necessário avaliar o nível de sensibilidade do paciente e descobrir também o motivo dessa sensibilidade. Às vezes, o paciente tem alguma raiz exposta ou alguma lesão não cariosa que expôs um pouco a raiz ou a dentina. Isso pode estar causando a sensibilidade dental. Se for esse o caso, o ideal é fechar primeiro o local, restaurar o dente com resina, checar se aliviou e, só depois, realizar o tratamento”, explica. 

Caso a pessoa tenha dentes sensíveis, mas esteja com a saúde bucal em dia, a dentista destaca que é possível realizar o clareamento. “Se não houver nenhuma lesão patológica (nenhum motivo externo) - isto é, se for uma sensibilidade por si só, sem haver necessidade de realizar um procedimento antes para tratar algum problema específico -, talvez seja possível já fazer o clareamento. Existem alguns protocolos dessensibilizantes que podem ser utilizados, que aliviam bastante o sintoma”, complementa a profissional. 

Para realizar o procedimento com mais segurança, é possível utilizar um gel dessensibilizante pelo tempo determinado pelo dentista, seguir recomendações de alimentação (como evitar alimentos muito ácidos, gelados ou quentes) e ainda ter uma atenção especial com a higiene bucal. De acordo com a Dra. Gonzalez, seguindo essas dicas, é possível que o paciente possa fazer o clareamento, mesmo apresentando quadros relativamente frequentes de sensibilidade.

Creme dental para sensibilidade é um aliado importante

Você já ouviu falar no creme dental para sensibilidade? De acordo com a dentista, esse produto é muito útil para quem faz clareamento ou outros procedimentos odontológicos. “Para quem tem sensibilidade, é indicado usar tanto antes quanto depois do clareamento - ou mesmo quem não for realizar o tratamento - uma pasta de dente para sensibilidade”, recomenda a especialista. Esse tipo de creme dental atua nas terminações nervosas dos dentes, aliviando a dor, e não agride o esmalte dentário, pois não tem substâncias abrasivas. Por isso, ele pode ser utilizado mesmo por quem não pretende fazer algum procedimento.

Higiene bucal para quem tem sensibilidade dentária

Uma dica importante para quem tem sensibilidade e deseja fazer clareamento é aprender a escovar os dentes corretamente. De acordo com a Dra. Gonzalez, usar a escova certa e realizar os movimentos adequados faz total diferença. “Um dos motivos de o paciente adquirir sensibilidade é escovar os dentes com muita força, utilizando uma escova dura. Algumas pessoas acreditam que isso ajuda a limpar melhor os dentes, mas não é verdade. Então, mesmo quem não tem sensibilidade dentária deve utilizar sempre uma escova macia e realizar os movimentos indicados para a escovação: o ideal é basicamente fazer o movimento de ‘varrer’ os dentes, encostando a escova perto da gengiva e a movimentando, sem fazer muita força, para a direção oposta”, finaliza a dentista.


Tags:

higiene bucal escova de dente saúde bucal sensibilidade dentes brancos clareamento dental creme dental dentista

Publicador de Conteúdos e Mídias

TODAS AS MATÉRIAS: higiene bucal