27.05.2022

Mau hálito é sinal de cáries nos dentes?

O mau hálito pode ser causado por cáries e por outras doenças bucais, como gengivite, acúmulo de tártaro, mau uso de próteses e doença periodontal
O mau hálito pode ser causado por cáries e por outras doenças bucais, como gengivite, acúmulo de tártaro, mau uso de próteses e doença periodontal

Está sentindo mau hálito com frequência e não sabe o motivo? Existem algumas doenças bucais que podem desencadear esse problema. Algumas pessoas acreditam, por exemplo, que o mau cheiro é sinal de cárie no dente, sendo um indício de que é necessário procurar a ajuda de um especialista. Mas, será que isso realmente é verdade? Como amenizar o mau hálito e preservar a saúde bucal? O Sorrisologia conversou com a dentista Rhianna Barreto, que esclareceu essas questões e falou mais sobre o que pode estar relacionado ao mau odor bucal. Confira!

Afinal, mau hálito é sinal de cárie no dente? 

De acordo com a dentista Rhianna Barreto, o mau hálito pode ser considerado um indício da presença de cáries nos dentes. Mas, para ter certeza, é indispensável procurar um dentista. “A doença cárie é causada por bactérias no dente. Essas bactérias degradam o dente, o que pode causar mau hálito”, afirma a especialista.

Além da ação das bactérias cariogênicas, o mau hálito também pode ser causado pelo acúmulo de alimentos. De acordo com a especialista, as cáries deixam os dentes mais fragilizados e suscetíveis a reter restos de comida, o que pode prejudicar ainda mais a saúde bucal. “O mau hálito vem dos subprodutos de degradação e ácidos liberados pelas bactérias no dente. Também pode vir do acúmulo de resíduos alimentares na cavidade formada pela cárie”, complementa a profissional.

Como tratar mau hálito e recuperar os dentes das cáries?

Para tratar cáries e amenizar o mau hálito, o mais importante é redobrar os cuidados com a higiene bucal. Será que você está escovando os dentes corretamente, por exemplo? Quais os produtos de higiene bucal mais importantes nesse caso? De acordo com a Dra. Barreto, é indispensável ter atenção com esses pontos e ainda contar com o acompanhamento de um dentista durante todo o processo. “O tratamento da doença cárie é realizado no consultório com um cirurgião-dentista. Para amenizar o mau hálito ou evitar a cárie, é necessário realizar consultas periódicas ao dentista, utilizar creme dental e colutórios (enxaguantes) prescritos para cada caso específico, além de utilizar sempre fio-dental após as refeições”, orienta a dentista.

Existem outras doenças que causam mau hálito?

Você sabia que o mau hálito, na verdade, pode ser um indício de diferentes doenças? De acordo com a especialista, para não haver dúvidas, é fundamental que o diagnóstico seja feito por um dentista. Em alguns casos, inclusive, o mau hálito pode ser originado por problemas gástricos ou até mesmo não ter relação alguma com doenças específicas (pode ser apenas a consequência de uma má higiene bucal, por exemplo). “Diversos problemas bucais podem causar mau hálito: cáries, gengivite, doença periodontal, estomatite, lesões bucais, uso de próteses mal adaptadas e mal higienizadas, má higiene do aparelho ortodôntico, acúmulo de placa e tártaro, doenças bucais e doenças estomacais, como gastrites e úlceras”, finaliza a dentista.


Tags:

higiene bucal saúde bucal cárie mau hálito fio dental produtos de higiene bucal creme dental enxaguante

Publicador de Conteúdos e Mídias

TODAS AS MATÉRIAS: higiene bucal