12.01.2021

Dor no dente podre: o que fazer? Dentista indica todos cuidados para acabar com o problema

Você está sentindo dor de dente podre? Saiba como amenizar esse incômodo e os cuidados necessários para evitar o quadro!
Você está sentindo dor de dente podre? Saiba como amenizar esse incômodo e os cuidados necessários para evitar o quadro!

Ter  dor de dente é algo mais comum do que se imagina. No entanto, em alguns casos, o motivo por trás desse incômodo pode estar ligado a um quadro mais grave: o dente podre. Com uma aparência nada agradável, esse elemento dental costuma ser considerado como perdido devido à presença extensiva de cáries. Mas será que remover o dente podre é a melhor opção para aliviar a dor de dente? O que fazer nesses casos? Para esclarecer essas dúvidas, o Sorrisologia conversou com a dentista Rhianna Barreto que revelou os tratamentos para essa complicação.

Entenda o que é dente podre

Antes de descobrir como amenizar a dor de dente podre, é importante amenizar como esse quadro se forma. Por isso, a profissional adianta: “o dente podre é um elemento que possui a presença da cárie extensa ao ponto de estar totalmente prejudicado e, muita das vezes, necrosado”.

Embora seja associado à doenças bucais que surgem na fase adulta, o quadro também pode acometer crianças e adolescentes, principalmente aqueles que não praticam uma boa higiene bucal. Nesse caso, além da dor de dente, outros sintomas como desgaste dentário, tártaro, mau hálito e aspecto amarelado também podem aparecer.

Dor de dente é um sintoma comum de dente podre

De acordo com Rhianna, a presença de um dente podre quase sempre é sinônimo de incômodo. “Isso porque conforme a carie avança, pode ocorrer dor ou necrose pulpar, o que leva a um quadro infeccioso e dor intensa”, explica a profissional. Por esse motivo, ao notar qualquer probleminha na cavidade oral, o ideal é consultar um dentista o quanto antes para avaliar o quadro e, assim, preservar a sua saúde bucal.

Saiba como aliviar a dor de dente podre

Pode até parecer óbvio, mas o primeiro passo para eliminar a dor de dente podre é sempre o mesmo: buscar ajuda profissional o quanto antes. “Ir ao dentista para realizar o tratamento do dente quando possível ou extração do mesmo é fundamental”, revela Rhianna.

Além disso, existem algumas medidas que podem ser feitas em casa para amenizar o incômodo. “É possível fazer o uso de analgésicos e bochechos com malvona de forma paliativa para diminuir a dor de dente podre”, afirma. No entanto, é importante consultar o seu médico de confiança para evitar o uso de medicamentos inadequados para o seu quadro.

É possível recuperar o dente podre com algum tratamento?

Sim, é possível recuperar um dente podre, mas tudo isso vai depender do olhar profissional do odontologista e do estágio do quadro. “Existe o tratamento de canal”, afirma Dr. Rhianna. No entanto, vale ressaltar que, nos casos que não é possível realizar esse procedimento, tá tratamento indicado é a extração do dente podre e reabilitação com implantes dentários.

4 cuidados para evitar que o surgimento de um dente podre

1. Realize uma boa higiene bucal, incluindo o uso de fio dental e enxaguante após todas as refeições;

2. Mantenha visitas regulares ao dentista cada quatro ou seis meses para realizar a profilaxia dentária;

3. Alimente-se bem. Uma dieta balanceada é fundamental para prevenir o surgimento de cáries e, consequentemente, o desenvolvimento de um dente podre. Nesse caso, vale apostar em alimentos ricos em cálcio e fósforo que ajudam a fortalecer os dentes;

4. Evite fumar e consumir bebidas alcoólicas.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Rhianna Barreto - Cirurgiã-Dentista
Rio de Janeiro - RJ
CRO-RJ:37448


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal