Dente de leite que não amolece: odontopediatra explica o que é e todos os cuidados com a saúde bucal da criança nessa época

O dente de leite do seu filho não amolece de jeito nenhum? Veja o que a odontopediatra Joaquina Diniz tem a dizer sobre isso
O dente de leite do seu filho não amolece de jeito nenhum? Veja o que a odontopediatra Joaquina Diniz tem a dizer sobre isso

A troca entre os dentes de leite para os permanentes ocorre por volta dos 6 anos de idade e se estende até os 12. Esse processo natural ocorre através do amolecimento dos decíduos e a posterior substituição por dentes proporcionais ao desenvolvimento mandibular infantil. No entanto, em alguns casos o dente de leite não amolece e isso causa atraso na troca dentária. Pensando nisso, o Sorrisologia conversou com a odontopediatra Joaquina Diniz para esclarecer quais fatores podem estar relacionados ao dente de leite que não amolece e quais devem ser os cuidados com a saúde bucal da criança nessa época.

Dente de leite que não amolece: o que pode ser?

Segundo a especialista, existem diversas causas que podem estar envolvidas no atraso da troca dentária, incluindo fatores genéticos, locais e sistêmicos. “Uma das situações mais rotineiras é o fato do dente de leite não ter a raiz reabsorvida e por isso não amolecer, e isso pode acontecer por uma ausência do germe dentário do sucessor permanente por exemplo ou simplesmente de maneira idiopática (sem causa passível de explicação). Também pode acontecer por anquilose, que é quando o dente e o osso se "juntam" como uma coisa só”, afirma Joaquina.

Nos casos de anquilose dentária, a fusão entre as raízes do dente de leite e o osso alveolar impede que o dente mude de posição e amoleça, causando prejuízos para a saúde bucal infantil. Por esse motivo, é importante levar a criança ao consultório odontológico se houver sinais desta condição.

Entenda as consequências do atraso na troca dos dentes de leite

Quando o dente de leite não amolece, o sucessor permanente pode nascer por trás do decíduo, o que caracteriza o quadro de retenção prolongada dentária. “O dente de leite pode durar por muitos anos, inclusive na fase adulta, sem mobilidade nenhuma”, explica a odontopediatra. Além disso, se o atraso na troca de dentes estiver relacionado à anquilose, o dente ficará em infra-oclusão, afetando o alinhamento da arcada dentária e a mastigação.

Qual é o tratamento adequado para o dente de leite que não amolece?

Joaquina explica que os procedimentos a serem adotados dependem do diagnóstico. “Nos casos de retenção prolongada e anquilose indica-se a extração (exodontia) do elemento. Nos casos em que o paciente não tem o elemento sucessor permanente, o dente de leite pode ser mantido na boca até que o paciente tenha idade para fazer implante por exemplo ou até quando ele se mantiver funcional”, recomenda.

Como prevenir o atraso na troca dos dentes de leite

Apesar de não ser possível impedir todas as causas que podem contribuir para o não amolecimento dos dentes de leite, como a reabsorção da raiz do dente, É possível evitar traumatismos dentários para prevenir a tão falada anquilose, indica a odontopediatra. Além disso, é recomendado que nessa faixa etária, os responsáveis levem os pequenos ao consultório antes mesmo da troca completa da dentição. Dessa forma, é possível acompanhar o crescimento dos dentes e intervir precocemente se necessário.

Este artigo tem a contribuição da especialista:
Joaquina Santos Diniz - Especialista em Odontopediatria
Mogi das Cruzes, SP
CRO-SP: 115.367


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal infantil