22.09.2015

De repente 60: 6 passos para envelhecer melhor

60 anos! Como passou rápido, não é? Mas ao invés de se preocupar tanto, que tal enxergar a vida de uma nova forma e curtir a melhor idade?
60 anos! Como passou rápido, não é? Mas ao invés de se preocupar tanto, que tal enxergar a vida de uma nova forma e curtir a melhor idade?

A vida tem passado cada vez mais depressa e quando menos esperamos... 60 anos! Se você chegou nessa idade não é motivo de desespero, mas, sim, de comemoração. Isso mesmo! A maturidade pode ser uma ótima fase da vida, depende unicamente das atitudes e do modo de enxergar a vida. O momento é de relaxar, mas também aproveitar mais a família e os amigos... Ou seja, ser feliz! E tudo isso só é possível se estivermos com saúde, não é mesmo? 

Os cuidados começam cedo

"Para um envelhecimento saudável é preciso iniciar os cuidados ainda na juventude, como a prática de atividade física, hidratação constante e consumo de frutas, verduras e legumes variados", comenta a nutricionista Caroline Codonho. O problema é que muitos não seguem esse conselho. Os jovens, geralmente, acham que são invencíveis e costumam levar a vida em excessos, comendo da forma errada e na hora errada, além de praticar hábitos de vida nada sadios. As consequências, porém, surgem alguns anos depois. Mas, ainda assim, é possível recompensar alguns anos de extravagância e colocar a saúde em dia. Vem com a gente descobrir como é possível envelhecer da melhor forma.

1 - Alimentação

Aos 60 anos as coisas não são mais como antes, isso inclui os sistemas digestivo e gástrico. A nutricionista Caroline Codonho comenta que nesta idade a digestão protéica tende a ser um pouco mais lenta por conta de questões fisiológicas, e alerta que o consumo dessa substância precisa aumentar. "O consumo de alimentos que contém proteína deve ser feito em todas as refeições, e não apenas priorizando o almoço e o jantar".

Alimentos ricos em gorduras saturadas, como carnes gordas e frituras em geral, devem ser evitados para não correr o risco de gerar desconforto digestivo. Aqui também vai um conselho especial para as mulheres. "Após o período da menopausa, a mulher tende a ter um apetite aumentado por carboidratos, e por isso deve ter bastante atenção ao consumo principalmente de doces, pois com a alteração hormonal, será muito mais fácil o acúmulo de gordura visceral (e a famosa "barriguinha" vai aumentando)", ressalta.

2 - Exercícios

Mova-se! Praticar atividades físicas é sempre muito bem recomendado, e fazer acompanhado é melhor ainda, pois motiva a prática regular. Quem pratica exercícios tem mais disposição e evita uma série de doenças cárdiacas, diabetes, hipertensão, osteoporose e a obesidade. Por isso, nada de passar horas e mais horas sentado vendo a vida passar. Deixa a preguiça e o comodismo de lado e reúna uma turma de amigos para se mover junto com você!

3 - Saia de casa

Enfim, aposentadoria! Tudo bem, você trabalhou por muitos anos e agora merece esse descanso. Entretanto, isso não significa que vai passar o resto da vida dentro de casa. Vá ver o mundo lá fora. Aliás, ir até a padaria e voltar não conta! Tire um dia pra almoçar com os amigos, leve seu neto na escola, caminhe na praia e tome uma água de coco. São muitas as oportunidades para manter-se ativo e você só tem a ganhar, como explica a profissional. "A importância primordial é evitar o isolamento social e a sensação de incapacidade, afinal, os idosos de 60 atualmente estão com expectativa de vida bastante ampla".

4 - Aprenda algo novo

Por mais vivido e experiente que alguém seja, sempre é possível descobrir coisas novas. Talvez tenha algo que você sempre teve vontade de aprender quando jovem, mas nunca o fez. Esse é o momento! Nunca soube usar o computador como gostaria? Peça ajuda aos netos. Certamente, eles podem te ensinar diversas coisas legais. Ou que tal investir numa dança de salão? Agora também é um bom momento pra você, enfim, aprender aquelas receitas que há tanto tempo guardava, mas não tinha tempo para se dedicar a elas.

5 - Use sua experiência a seu favor

Não se sinta menos por não ter o mesmo vigor e disposição da juventude. Saiba que você tem outra característica muito importante a seu favor: experiência. E existem muitas formas de usá-la. Ajudar o próximo é uma delas. Com certeza, há pessoas que respeitam e admiram sua opinião, seus conselhos e sua história de vida. Transmitir isso para outros é uma lição valiosa e que deixa um legado para outras gerações da família, além de ser mais um motivo para exercitar sua mente, trocar experiências e aprender algo novo.

6 - Saúde do corpo e da mente

Ler um livro ou jogar com os amigos são atividades importantes para pôr em prática, estimular o raciocínio, fortalecer a mente e prevenir a perda de memória. "Atividades coletivas são sempre bem recomendadas. Além disso, hábitos que estimulem novas conexões cerebrais como as famosas 'caça-palavras' são bem interessantes", recomenda a nutricionista.

Dormir bem é muito importante! A ausência de uma boa noite de sono pode trazer desde problemas como falta de concentração, aumento do peso e até o envelhecimento precoce. De sete a oito horas por noite é o tempo ideal, não só como uma necessidade de descanso mental e físico, mas, também, metabólica.

Pra finalizar, pratique o otimismo. Você passou a vida inteira se preocupando com os filhos , trabalhos e demais afazeres, chegou a hora de relaxar e curtir sua melhor idade! Pessimismo e as tensões do dia a dia elevam a taxa de cortisol, hormônios que controlam o estresse. O resultado disso: aumento da pressão arterial, do açúcar do sangue e queda do sistema imunológico, que proteje seu organismo, podendo causar outras doenças. Melhor não, né? Afaste-se destes males! Cultive pensamentos positivos, pratique meditação, relaxamento e evite desgaste com ideias ruins.


TODAS AS MATÉRIAS: alimentação