26.10.2021

5 cuidados que você deve tomar após retirar os sisos

Compressas frias ajudam na cicatrização após retirar os sisos
Compressas frias ajudam na cicatrização após retirar os sisos

Os cuidados após retirar os sisos (últimos dentes formados na boca) são fundamentais para a recuperação da cirurgia. Embora a remoção do siso seja considerada um procedimento simples, realizado em consultório e com anestesia local, é importante seguir as recomendações do cirurgião-dentista para garantir um pós-operatório tranquilo e sem complicações. 

É claro que cada caso deve ser avaliado individualmente, mas, no geral, algumas medidas básicas devem ser tomadas para acelerar a cicatrização e evitar problemas como sangramentos, inflamações e infecções no local. Tendo isso em vista, confira a seguir 5 sugestões de cuidados após tirar dente siso. 

  • 1. Repouso é fundamental para a cicatrização rápida

    Perguntas como “em quantos dias depois de tirar o siso posso treinar?” ou “quando posso voltar à rotina de trabalho?” são bastante comuns. Isso porque, de fato, o repouso é um dos principais cuidados após tirar os sisos. 

    O cirurgião-dentista é o profissional qualificado para indicar quantos dias de repouso depois de extrair o dente são necessários. Para prevenir sangramentos e complicações no pós-operatório, o aconselhável é que o paciente repouse, evite esforços e procure manter a cabeça sempre erguida durante as primeiras 24 horas após a cirurgia. Já retorno às atividades cotidianas podem levar entre 2 a 3 dias para acontecer. 

  • 2. Aplicação de gelo no local ajuda a reduzir o inchaço

    Outra medida que ajuda a reduzir o risco de inflamação e dor após retirar os dentes sisos é aplicar uma bolsa ou compressa de gelo no local. A baixa temperatura ajuda a minimizar a resposta inflamatória do corpo e retrair os vasos sanguíneos, que tendem a ficar dilatados após a remoção de um dente. 
    Recomenda-se que a aplicação de gelo no local (parte externa) seja feita várias vezes, com sessões de 20 minutos, ao longo das primeiras 24 horas de pós-operatório.

  • 3. Atenção ao escovar os dentes para não se machucar

    Sabe o que não pode fazer quando tira o siso? Deixar de lado a higienização bucal! Os cuidados com a escovação continuam sendo indispensáveis, mas, nessas circunstâncias, devem ser feitos com atenção redobrada. 

    O ideal é se posicionar em frente ao espelho de forma que seja possível visualizar o local operado. Assim, o paciente consegue escovar os dentes com movimentos suaves e evitar o contato brusco entre as cerdas da escova e a área afetada. Outra dica é utilizar pouco creme dental para prevenir a formação de muita espuma e facilitar o enxágue da boca ao final da escovação. 

    Bochechar após a retirada dos sisos pode trazer incômodos e complicações no pós-operatório e, portanto, deve ser evitado.

  • 4. Também é preciso ter cuidado com a alimentação

    Logo após retirar os risos, é necessário adotar algumas mudanças alimentares temporárias - talvez, por isso, você já tenha ouvido falar que “tirar o siso emagrece” ou que “tirar o siso afina o rosto”. 
    Nas primeiras 48 horas, o ideal é dar preferência a alimentos líquidos, que não precisam ser mastigados. Também deve-se evitar refeições quentes, já que as altas temperaturas favorecem o desenvolvimento de infecções no local. 

    Para esclarecer dúvidas, como se pode tomar café depois de tirar o siso ou com quantos dias após tirar o siso pode comer alimentos sólidos, o indicado é conversar com o cirurgião-dentista. O retorno à dieta normal costuma estar entre os cuidados após retirar os pontos dos sisos (em média, 1 semana depois da cirurgia). 

  • 5. Reduzir a movimentação no local colabora para a cicatrização

    Parece simples, mas diminuir as movimentações próximas à área operada é um cuidado que pode fazer toda a diferença logo após a retirada dos sisos. Falar muito, dar gargalhadas e até mesmo utilizar um canudo para ingerir bebidas são movimentos que podem gerar atritos, dores e até sangramentos no local. Por isso, mantenha em mente que o objetivo é repousar, evitar impactos e proteger ao máximo a região afetada.


Publicador de Conteúdos e Mídias

TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal