29.09.2021

Como fazer clareamento dental caseiro com segurança?

Descubra os cuidados necessários para realizar um clareamento dental caseiro com segurança
Descubra os cuidados necessários para realizar um clareamento dental caseiro com segurança

Não é difícil encontrar alguém que queira investir no clareamento dental caseiro. O procedimento, que promete devolver dentes brancos e claros, é um dos mais procurados por quem preza pela estética do sorriso. Com o desejo de mudar, surge sempre a mesma dúvida: como fazer o clareamento dental caseiro com segurança? Quais as melhores técnicas para garantir o efeito white? Para garantir a sua saúde bucal, o Sorrisologia conversou com o dentista Nelson Alfarano, que é especialista em odontologia estética. Veja o que ele contou sobre o clareamento dentário e tire todas as suas dúvidas! 

Entenda como funciona o clareamento dental caseiro

Antes de descobrir como fazer clareamento dental caseiro com segurança, é importante entender como funciona o tratamento. De acordo com o dentista, todo o processo se inicia na produção das moldeiras. “O profissional confecciona as moldeiras personalizadas para o paciente e, a partir disso, o ensina como utilizar o gel clareador específico durante à noite”, explica Nelson.

Vale ressaltar que a moldagem dos dentes garante exatamente o formato da boca de quem vai usá-la. Além disso, as peças devem possuir o mesmo tamanho dos dentes, para garantir que o clareamento dental com moldeira não encoste na gengiva e provoque danos à região. Para conquistar o sorriso branco, é preciso ter em mente que a técnica caseira tende a ser mais lenta, exigindo o uso da moldeira entre 12 a 21 dias, de acordo com a orientação do seu dentista.

Clareamento dental caseiro com moldeira exige um acompanhamento profissional

Se engana quem pensa que o clareamento dental caseiro é sinônimo de abrir mão das consultas odontológicas. Na verdade, o uso das moldeiras também deve ser acompanhado e recomendado por um dentista qualificado. “O tratamento deve ser feito com a supervisão do dentista após uma revisão para constatar a saúde dos dentes e da gengiva, assim como a realização de uma profilaxia dentária”, afirma o especialista. 

Além da primeira consulta, algumas outras também serão necessárias para que o dentista acompanhe de perto a evolução do tratamento, avaliando a necessidade de intervenções. Caso contrário, o clareamento dental caseiro pode oferecer riscos à sua saúde bucal e resultar em problemas, como sensibilidade dentária, erosão do esmalte dental e queimaduras. 

Clareamento dental caseiro: bicarbonato de sódio e outras substâncias podem trazer riscos à sua saúde bucal

Não é difícil encontrar sugestões milagrosas de clareamento dental caseiro pela internet. O uso de bicarbonato de sódio e água oxigenada, por exemplo, são alguns dos mais conhecidos entre os pacientes. Mas, o que poucos sabem é que, essas substâncias estão longe de oferecer um clareamento dental caseiro seguro. Isso porque eles apenas limpam a camada superficial do esmalte dentário, gerando a sensação de dentes mais claros. 

Além disso, quando usados com frequência e sem supervisão, esses componentes podem prejudicar o esmalte dentário devido à ausência de fluoreto, substância que ajuda a fortalecer os dentes, em sua composição.  Sendo assim, por mais benéfico que esse tipo de clareamento dental caseiro possa parecer, é importante evitá-lo e sempre buscar um profissional qualificado para realizar o tratamento.

Os cuidados necessários para um clareamento caseiro dental seguro

  • Mantenha uma boa rotina de higiene bucal antes de usar o gel clareador, incluindo o uso de fio dental;
  • Respeite a quantidade de gel clareador recomendada pelo seu dentista;
  • Ao colocar a moldeira nos dentes, fique atento ao excesso do gel. Caso a substância entre em contato com a gengiva, é importante removê-la com a ajuda de uma escova de dentes ou algodão;
  • Faça o clareamento dental caseiro com moldeira respeitando o tempo estabelecido pelo seu dentista;
  • Não se esqueça de enxaguar a boca com água após o uso da moldeira;
  • Após o clareamento dental caseiro com moldeira, lembre-se de higienizar o acessório com água corrente até remover todos os resíduos do gel clareador. 

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Nelson Alfarano - Especialista em implantologia, reconstrução maxilar, cirurgia plástica periodontal e odontologia estética
CRO-RJ: 18163


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal