10.11.2020

Clareamento dental caseiro funciona? Especialista revela técnicas que devem ser evitadas e qual é a mais segura para alcançar um sorriso branco

Descubra a real eficácia do clareamento caseiro e o que deve ser evitado para branquear os dentes
Descubra a real eficácia do clareamento caseiro e o que deve ser evitado para branquear os dentes

Ter um sorriso branco é o objetivo de muitas pessoas. A forma mais eficaz e segura de alcançar esse resultado é através do clareamento dental. Esse procedimento, feito por um dentista especializado em estética odontológica ou em dentística, ajuda a eliminar manchas e aquele aspecto amarelado dos dentes, deixando um visual mais agradável.

Existem duas maneiras de alcançar esse efeito white: com o clareamento a laser (feito no consultório) ou o clareamento caseiro. No caso da técnica feita em casa, é importante ter muita atenção! Pensando nisso, o Sorrisologia conversou com o dentista Igor Puga, que revelou a forma correta de realizar esse tratamento com a moldeira e ressaltou as receitas que devem ser evitadas. Veja só!

Clareamento dental caseiro funciona?

Quando o clareamento dental é realizado com a indicação de um dentista, funciona muito bem! O procedimento caseiro é feito com auxílio de uma moldeira e um gel clareador receitado pelo profissional. Além disso, ele detalha todo passo a passo do clareamento e recomendações dos cuidados após a técnica para garantir um efeito prolongado. Então, o primeiro passo para conquistar um sorriso é: ir ao dentista.

Segundo Igor, o clareamento feito pelo profissional possui agentes clareadores que são peróxido de hidrogênio ou peróxido de carbamida. Eles possuem radicais de oxigênio que penetram o esmalte, chegando a camadas mais profundas, onde quebram as moléculas de pigmento permitindo uma maior entrada de luz, promovendo assim aquele efeito white.

Receitas de clareamento caseiro perigosas:

1) Clareamento com bicarbonato de sódio

Muitas pessoas tentam alcançar o sorriso ideal com tratamentos caseiros para clarear os dentes, ao invés de procurar por um especialista. Na internet existem diversas receitas que prometem resultados milagrosos, a partir de produtos simples, como o uso do bicarbonato de sódio. Mas Igor revela que, além de ter uma eficácia baixíssima, a substância pode apresentar diversos riscos para a saúde bucal.

“O bicarbonato de sódio não provoca o clareamento dos dentes. Ele apenas desgasta uma camada superficial do esmalte dentário, removendo manchas e pigmentos superficiais e dá a sensação de que os dentes ficaram mais claros, quando apenas foram ‘polidos’. Entretanto, nesse processo ocorre a deterioração gradual da camada mais externa do dente”, conta.

2) Escovar os dentes com açafrão

Outro produto que promete deixar os dentes brancos é a cúrcuma, também conhecida como açafrão. Essa opção ficou muito famosa entre os veganos para substituir o uso dos cremes dentais convencionais, mas o especialista garante que existem formas melhores de escovar os dentes:

“A cúrcuma é um produto gastronômico e não existe trabalho científico comprovando que a cúrcuma é ideal para escovar os dentes ou clareá-los. O que se constata na clínica diária é que o produto amarela os dentes, devido a sua coloração e a capacidade de retenção em microporosidades, e tem maior poder de pigmentação nas resinas compostas usadas em restaurações estéticas e facetas de resina”, descreve Igor.

O dentista também ressalta que o mercado vegano está em constante crescimento e já existem produtos inovadores para esse público sem causar nenhum tipo de risco à saúde bucal.

Como ter os dentes brancos e saudáveis sem clareamento?

A melhor maneira de ter dentes brancos sem precisar aderir ao clareamento dental é simples: basta praticar uma boa rotina de higiene bucal. Além da escovação e do uso do enxaguante, Igor ressalta a importância do fio dental nesse cuidado: “Com ele é possível higienizar a face interproximal dos dentes, que corresponde a aproximadamente 30% da superfície dental, que não é alcançada pelas cerdas da escova. Para qualquer tratamento, o ideal é procurar o seu dentista”, finaliza.

Esse artigo contou com a participação profissional de:

Igor Puga
CRO-RJ 28418
Cirurgião-dentista com formação em harmonização facial


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal