Cárie de mamadeira: o que é, como pode afetar a saúde bucal do bebê, tratamento e as principais dúvidas sobre a doença

Saiba mais sobre a cárie de mamadeira e os riscos dessa doença para a saúde bucal dos pequenos
Saiba mais sobre a cárie de mamadeira e os riscos dessa doença para a saúde bucal dos pequenos

A cárie é uma doença bucal que atinge todas as idades. Mas, por sua principal causa ser o excesso de doce e a falta de higiene bucal, essa vilã acaba acometendo bem mais as crianças, especialmente aquelas que estão com os dentes de leite em formação. Neste caso, a chamada cárie de mamadeira é um verdadeiro perigo na vida dos pequenos que estão passando pela introdução alimentar e experimentando outros sabores além do leite materno. O Sorrisologia explicou melhor as causas e tratamentos desse problema.

1. O que é a cárie de mamadeira?

Você sabia que a cárie é uma das maiores reclamações dos pacientes nos consultórios dentários? Além dos adolescentes e adultos, essa lesão também pode aparecer no público mais jovem: as crianças. Quando os primeiros dentes de leite começam a aparecer e a introdução alimentar é iniciada, os riscos dessa doença bucal aumentam, principalmente se tratando da chamada cárie de mamadeira. A dentista Vânia Cortes explica melhor sobre essa vilã: “É uma cárie de progressão rápida que compromete principalmente os dentes anteriores e superiores, pois esses dentes que ficam em maior contato com os líquidos que o bebê ingere”.

2. A cárie de mamadeira surge pro conta do leite?

A cárie de mamadeira é causada por toda bebida que leva açúcar que os pais costumam colocar na mamadeira, até mesmo o leite. A odontopediatra Simone Bastos revela como isso acontece: “A principal causa está relacionada ao uso de mamadeiras com líquidos açucarados, dadas principalmente à noite, sendo que o bebê logo em seguida adormece, sem higiene bucal", atentou.

3. Causas da cárie nos dentes de leite

- Ingestão demasiada de doces;

- Comer só alimentos com carboidratos;

- Beber sucos, refrigerante e outras bebidas açucaradas em excesso;

- Não escovar os dentes após às refeições;

- Negligenciar o uso do fio dental;

- A falta de acompanhamento dos pais e do odontopediatra.

4. O leite materno pode causar cárie nos dentes de leite?

Não. Muita gente pensa que a cárie nos dentes de leite aparece por conta do leite materno, mas isso não é verdade. A especialista em saúde bucal infantil, Larissa Neves explica que quanto mais ácido é o pH bucal, mais suscetível a boca da criança fica para desenvolver a cárie. "O leite materno não diminui o pH da boca, já o açúcar sim. Essa acidez provoca a desmineralização do dente, ou seja, a cárie. O leite materno não causa essa acidez bucal", garantiu. Por outro lado, o leite artificial vindo da mamadeira afeta os dentes, favorecendo o desenvolvimento das cáries.

5. Alimentos que ajudam na saúde bucal infantil

Maçã: sua casca fibrosa limpa o sorriso de uma maneira superficial a cada mordida. A maçã possui pouco açúcar, alto teor de fibras e é rica em água, isso a torna uma aliada contra resíduos de alimentos que ficam entre os dentes.

Pepino: rico e m vitaminas do Complexo B e Vitamina C, ele ajuda no tratamento da gengivite e outras inflamações bucais, além de manter o hálito mais fresco.

Pera: tem pouco açúcar e muita água em sua composição, ajuda a manter um hálito fresco e previne a gengivite.

Morango: a fruta possui ácido málico, um adstringente natural que auxilia a diminuir manchas nos dentes, além de ser rico em vitamina C, que ajuda a combater a placa bacteriana.

6. Como prevenir a cárie de mamadeira nos dentes de leite?

Você não precisa fazer muito esforço, nem mesmo gastar uma fortuna para prevenir a formação da cárie nos dentes. Basta adotar uma rotina de higiene bucal e bons hábitos, como explica a dentista Simone Bastos: "A união de uma boa escovação, uma alimentação saudável e visitas periódicas da criança ao odontopediatra é a melhor maneira para prevenir o aparecimento de cáries e suas complicações".

Outro truque que faz toda diferença na higiene bucal da criança é apostar em produtos de higiene que condizem com sua idade, como usar um creme dental infantil . Além de embalagens com temas divertidos para a criançada, possuem um gostinho bem suave e que não arde na boca. Esses cremes têm a quantidade correta de flúor que aumenta a taxa de minerais do esmalte dentário ajudando a combater as cáries. Praticando estes bons hábitos, seu filho terá um sorriso mais bonito e saudável para sempre.

7. O que é bom para tratar a cárie de mamadeira?

Se o seu pequeno está com uma cárie de mamadeira, você precisa levá-lo ao odontopediatra o mais rápido possível para a doença não evolui. A boa notícia é que existem vários tratamentos para acabar com o problema, mas tudo vai depender do grau de severidade de cada caso. Inclusive, segundo Simone, quando os dentes já estão acometidos, é muito importante a assistência do especialista para conduzir o melhor tratamento a ser realizado. “Podem ser recomendados desde protocolos de fluorterapia até o tratamento endodôntico dos dente acometidos”, indica a especialista.

Além disso, a profissional também orienta que a consulta ao odontopediatra seja realizada ainda durante o primeiro ano de vida do bebê, pois dessa forma os responsáveis poderão receber a devida orientação a respeito da saúde bucal dos pequenos. Assim, é possível prevenir o surgimento da cárie precoce na infância.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Simone Rocha de Moraes Bastos - Odontopediatra
Cabo Frio - RJ
CRO-RJ: 40813


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal infantil