Saúde bucal no puerpério: que cuidados a nova mãe deve tomar? Dentista dá dicas para prevenir problemas bucais
Mulher negra bebendo água de um copo transparente, vestindo um roupão branco felpudo. Ela está em pé, em um ambiente doméstico moderno, com decoração neutra e um quadro ao fundo, enfatizando a importância da hidratação para a saúde bucal pós-parto
Mulher negra bebendo água de um copo transparente, vestindo um roupão branco felpudo. Ela está em pé, em um ambiente doméstico moderno, com decoração neutra e um quadro ao fundo, enfatizando a importância da hidratação para a saúde bucal pós-parto

Publicador de Conteúdos e Mídias

Saúde bucal no puerpério: que cuidados a nova mãe deve tomar?

Nova mãe, saiba o que fazer para garantir sua saúde bucal no puerpério. Conheça cuidados essenciais para evitar complicações. Continue lendo e saiba mais!

10/05/2023

Compartilhar em suas redes

Publicador de Conteúdos e Mídias

Cuidar da saúde bucal durante (e após) a gravidez é muito importante para evitar infecções e doenças bucais, sabia? Nesse período, as alterações hormonais tendem a causar um desequilíbrio na produção de saliva - o que pode aumentar, consequentemente, as chances de doenças na gengiva e também quadros de halitose.

Durante o puerpério (período pós-parto que dura entre 45 e 60 dias), em especial, essas alterações são bastante intensas, o que demanda uma atenção ainda maior com a higiene e saúde bucal como um todo.

Para saber mais sobre o assunto, o Sorrisologia conversou com a cirurgiã-dentista Uila Ramos, que explicou melhor como o puerpério afeta a saúde bucal da mulher e deu ótimas dicas para prevenir problemas nesse período. Continue lendo para descobrir!

Como as alterações hormonais afetam a saúde bucal da mulher?

De acordo com a cirurgiã-dentista, as alterações hormonais que ocorrem no puerpério são mais abruptas e, por isso, tendem a afetar o bem-estar e a saúde da mulher como um todo. A saúde dos dentes, em especial, pode ser afetada tanto por desequilíbrios na saliva quanto por descuidos na higienização. Por isso, é muito importante que a mulher tome alguns cuidados básicos e conte com todo o suporte necessário para evitar complicações.

“O puerpério é caracterizado por uma queda nos níveis dos hormônios estrogênio e progesterona, em que gradativamente o corpo da mulher retorna ao estado fisiológico. Esse processo merece especial atenção, pois as mudanças hormonais podem favorecer um quadro de secura bucal que pode, ou não, vir concomitantemente com a depressão pós-parto, que também contribui para a redução do fluxo salivar, o que expõe a mulher a maior risco de atividade de cárie e doença periodontal”, explica. 

“Devido à rotina de cuidados que priorizam o bebê, a mãe também pode acabar negligenciando os cuidados básicos consigo mesma, dentre os quais, a correta higienização bucal”, complementa.

Quais cuidados de saúde e higiene bucal devem ser tomados no puerpério?

A especialista reforça que são muitos os fatores que podem afetar a saúde da mãe no puerpério: cólicas pós-parto, dificuldades para amamentar, dormir, estresse e também particularidades que variam de acordo com a mulher. Para minimizar esses danos e evitar complicações, é necessário atentar a diferentes pontos, como a alimentação e a rotina de higiene bucal. Confira as dicas listadas pela profissional:

1. Alimentação saudável contribui para a saúde bucal e bem-estar

Selecionar bem os alimentos que serão consumidos é importante para garantir uma melhor recuperação e, ainda, proteger a saúde dos dentes. Bebidas e comidas açucaradas e industrializadas, por exemplo, não são muito interessantes em termos nutricionais e ainda podem desgastar o esmalte do dente. 

“É preciso adotar um estilo alimentar mais rico e saudável (com a devida orientação médica) composto de frutas, legumes, fibras, fontes de cálcio, fosfato e vitamina D, que são nutrientes fundamentais para a saúde da mulher e para a criança também”, orienta a dentista. 

2. Aumentar o consumo de água ajuda a proteger a saúde da gengiva e dos dentes

Beber muita água, de acordo com a especialista, é uma boa dica para amenizar os desequilíbrios causados pelas alterações hormonais no puerpério. “Ingestão abundante de água é importante para estimular a qualidade e a quantidade ideal de saliva, que atua na neutralização do pH bucal e tem efeito protetor para os dentes e gengiva”, recomenda. 

3. Fio dental e escova de dente macia são imprescindíveis nesse período

Recorrer aos produtos de higiene bucal mais adequados é outro cuidado muito importante. A escova de dente macia, por exemplo, é a melhor opção para não machucar a gengiva. Além disso, de acordo com a dentista, é imprescindível que a mãe mantenha uma rotina completa de higienização bucal.

“Apesar de ser um momento com muitos desafios inerentes ao puerpério, a mulher precisa ter atenção e cuidados especiais com a sua higiene bucal: usar o fio dental e escovar os dentes após as refeições são pontos essenciais para a remoção do biofilme dental e a prevenção da cárie”, destaca. 

4. Realize uma profilaxia dentária após o puerpério 

Marcar uma consulta com um dentista de confiança também é importante para evitar problemas no pós-parto. O ideal é esperar o puerpério passar para, então, recorrer aos tratamentos odontológicos necessários. “Ao se recuperar desta fase, recomenda-se uma consulta para a realização de procedimentos de raspagem e profilaxia profissional, de suma importância para tratar a inflamação gengival, decorrente da deficiência na higiene bucal, e remineralizar o esmalte dental”, finaliza a especialista.

Mais Recentes

Publicador de Conteúdos e Mídias