15.04.2021

Posso cuidar das cáries em casa?

O tratamento de cárie pode ser feito em casa através do uso de creme dentais com flúor. Saiba mais!
O tratamento de cárie pode ser feito em casa através do uso de creme dentais com flúor. Saiba mais!

Não é incomum encontrar uma cárie no dente e lidar com os diferentes sintomas que esse problema bucal pode causar, como mau hálito, manchas escuras, dores e sensibilidade. Para amenizar esse incômodos, há quem acredite que o tratamento para cárie pode ser feito em casa, mas será que isso é verdade? Pensando em esclarecer essa dúvida, nós conversamos com a dentista Ana Elisa que revelou as melhores formas de remover a cárie e os cuidados necessários para preveni-la.

Como surge a cárie no dente?

Antes de descobrir se a cárie pode ou não ser tratada em casa, é importante entender como esses pequenos buraquinhos no dente se formam. De maneira geral, a cárie é caracterizada pela desmineralização dos tecidos dentais causada pelos ácidos do metabolismo das bactérias. ”O quadro representa um desequilíbrio de vários fatores que envolvem acúmulo de placa bacteriana nos tecidos dentais, dieta rica em açúcar e carboidratos e o pH da saliva”, explica a dentista.

No caso das bactérias, existem diferentes espécies que podem estar envolvidas na formação da cárie no dente e, normalmente, elas já estão presentes na cavidade bucal desde a infância - mas o desequilíbrio é o fator responsável pelo surgimento da condição. Além disso, pacientes com microbiota possuem um risco maior de desenvolver a cárie.

Tratamento para cárie pode ser feito em casa?

Depende. Segundo a dentista, o tratamento para cárie pode variar de acordo com o estágio da desmineração da estrutura dental. “Se a cárie estiver em uma fase inicial, que é quando há a presença de manchas brancas bem na superfície do esmalte dentário, indicamos o tratamento caseiro com flúor através de bochecho e cremes dentais com alta concentração do ativo para garantir a remineralização do tecido”, revela Ana.

No entanto, quando se trata de uma cárie profunda, o tratamento deve ser realizado pelo cirurgião dentista no consultório odontológico. “Nesse caso, a remoção do tecido amolecido contaminado e a restauração do dente deve ser feita”, afirma. Por isso, é tão importante manter as consultas de rotina com o seu dentista de confiança, já que através delas é possível diagnosticar o quadro no seu estágio inicial e garantir um tratamento menos invasivo.  

4 cuidados necessários para prevenir a cárie

1. Mantenha visitas regulares ao dentista para realização da profilaxia dentária - que é o procedimento responsável pela limpeza dos dentes.
2. Invista em produtos de higiene bucal com flúor para evitar a desmineralização dos dentes.
3. Realize a troca da escova de dentes a cada três meses. Com o tempo e o uso, o acessório tende a ficar com as cerdas gastas e perder a sua eficácia durante a limpeza dos dentes, o que pode facilitar a formação de cárie.
4. Faça a escovação dos dentes diariamente, principalmente após as refeições, incluindo o uso do fio dental.

Esse artigo contou com a participação de:
Ana Elisa da Silva - Mestre em Clínica Odontológica, especialista em periodontia e capacitada para o atendimento da Halitose com indicação da ABHA (Associação Brasileira de Halitose). Habilitada em Laserterapia.

CRO-RS: 13490


TODAS AS MATÉRIAS: higiene bucal