08.11.2021

Como tratar micro rachadura no dente? Descubra!

Notou uma pequena rachadura no dente? Saiba como tratá-la com dicas de um especialista!
Notou uma pequena rachadura no dente? Saiba como tratá-la com dicas de um especialista!

Se engana quem pensa que a rachadura no dente é um problema bucal apenas estético. Na verdade, a condição, que pode surgir através de micro aberturas, favorece o surgimento de outras complicações, como sensibilidade dentária e acúmulo de biofilme. Para manter a sua saúde bucal em dia, é importante consultar um dentista o quanto antes e garantir o melhor tratamento para a rachadura no dente. Pensando nisso,  conversamos com o dentista Mario Groisman, do Rio de Janeiro, que revelou o  que deve ser feito nesse caso. Veja a seguir! 

Como surge a micro rachadura no dente?

De acordo com o especialista, a micro fratura no dente nada mais é do que pequenas rachaduras que surgem devido a traumas físicos ou químicos. “Em relação ao trauma físico, pode estar relacionado a mordida errada, bruxismo noturno e outros aspectos”, afirma Mario.

Embora muitas vezes seja imperceptível, a micro rachadura no dente apresenta sinais que podem ser observados pelos pacientes. “Sensibilidade dentária, lesões em fenda na gengiva, inflamação gengival ou até mesmo retração gengival são alguns dos sinais para o quadro”, revela o dentista. 

As consequências da micro rachadura no dente para saúde bucal

Ainda que a micro rachadura no dente pareça um quadro inofensivo, é importante estar atento às consequências desse problema. Isso porque, de maneira crônica, a abertura na superfície dentária pode favorecer infecções. “A lesão cervical pode se desenvolver até chegar ao ponto de atingir a polpa do dente”, conta o dentista.

Além disso, existem casos em que o paciente apresenta sensibilidade dentária e, por isso, não consegue higienizar adequadamente a região, favorecendo o desenvolvimento da doença. Nesses casos, o tratamento endodôntico deverá ser indicado, assim como a restauração e a adequação dos tecidos. 

Identificar a causa da rachadura no dente é fundamental para um bom tratamento

Assim como acontece com outros problemas bucais, a micro rachadura no dente também exige um diagnóstico antes do tratamento. Nesse caso, a identificação do agente causador é o primeiro passo. “Se a causa for trauma em atividade funcional, devemos adequar a função do paciente, com desgastes seletivos ou acréscimos em pontos estratégicos, a fim de aliviar e distribuir melhor as cargas mastigatórias", revela o dentista. Por outro lado, quando se trata de atividades parafuncionais, como bruxismo e o hábito de roer unhas, é preciso tomar medidas que impeçam a progressão da doença.

Além disso, vale ressaltar que a parte danificada do dente não pode ser regenerada. “Restaurações podem ser feitas para melhorar a distribuição de forças oclusais no elemento em questão, assim como a higiene do paciente e o padrão de sensibilidade do mesmo”, afirma. Se houver um envolvimento gengival, pode ser necessário o uso da técnica de enxerto de tecido conjuntivo para recobrir a rachadura no dente. Mas lembre-se: apenas o diagnóstico correto pode afirmar a linha de tratamento a ser seguida.

 

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Mario Groisman - Especialista em periodontia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro e em implantologia pela Conselho Federal de Odontologia.
CRO-RJ: 11548


Publicador de Conteúdos e Mídias

TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal