Limpeza dental clareia os dentes?
A limpeza dental pode clarear um pouco os dentes, mas efeito não é duradouro
A limpeza dental pode clarear um pouco os dentes, mas efeito não é duradouro

Publicador de Conteúdos e Mídias

Limpeza dental clareia os dentes?

A limpeza dental é essencial para sua saúde bucal. Mas será que ela clareia os dentes? Confira!

17/02/2022

Compartilhar em suas redes

Publicador de Conteúdos e Mídias

A limpeza dental, também chamada de profilaxia, é um tratamento fundamental na rotina de cuidados com a saúde bucal. A técnica consiste na limpeza profunda da cavidade oral, por meio da higienização, raspagem do tártaro e aplicação de flúor. Por isso, muitos pacientes percebem seus dentes mais polidos após o procedimento, dando a impressão de que eles estão mais brancos. Mas será que a limpeza dental também tem ação clareadora? Para esclarecer essa dúvida, conversamos com a dentista Patrícia Almeida. 

Limpeza dental deixa os dentes mais claros? 

De acordo com a dentista, é normal que os dentes fiquem mais claros após a limpeza profunda feita no consultório. Ela explica que, embora o tratamento não seja feito com auxílio de agentes clareadores, a remoção do tártaro e da placa bacteriana reduz manchas mais superficiais. Portanto, de certa forma, a profilaxia bucal pode ter um efeito clareador. “A limpeza dental retira as manchas externas causadas por nicotina, vinho e alimentos que têm coloração. E o dente fica um pouco mais claro. Não clareia para mudar o tom de escala vita (um instrumento que determina as cores do dente). Mas deixa o dente um pouco mais branco”, comenta. 

Embora a profilaxia dental consiga reduzir um pouco do amarelado dos dentes, a dentista reforça que esse não é o foco da sua ação. “A função dessa limpeza é retirar o que nós não conseguimos fazer com a nossa escova em casa. A limpeza feita no consultório é ultrassônica, emite ondas com frequência que conseguem tirar aquela sujeira que já está impregnada. A sujeirinha que virou um tártaro, um cálculo, que a nossa escova não consegue remover”, afirma. Sendo assim, quem deseja dentes mais brancos, deve investir em um clareamento mais potente, que pode ser feito com laser ou moldeiras com gel clareador. 

Clareamento da limpeza dental depende da situação dos dentes de cada pessoa 

A profilaxia consegue reduzir o aspecto amarelado dos dentes, mas o resultado varia para cada pessoa. A Dra. Patrícia cita que o clareamento após a limpeza dental é mais perceptível nos pacientes que mantêm uma rotina de higiene bucal regrada, com escovação após as refeições e uso de um bom creme dental. A higiene diária feita em casa da forma correta impede que os os pigmentos dos alimentos e bebidas fiquem impregnados nos dentes, prevenindo o surgimento de manchas e do amarelamento. “Quem já está com os dentes amarelados precisa procurar um dentista para fazer uma limpeza e/ou clareamento supervisionado. Só assim para deixar mais branco”, orienta. 

O intervalo entre uma limpeza e outra também faz toda diferença na efetividade do tratamento. O aconselhado pelos dentistas é que a profilaxia seja realizada a cada 6 meses para retardar o amarelamento dos dentes. 

Limpeza dental aliada ao clareamento potencializa efeito embranquecedor nos dentes 

A limpeza profissional não trabalha com um agente clareador. Sua ação remove apenas sujeiras e pigmentos externos na superfície dos dentes. Por essa razão, a técnica não é suficiente para clarear dentes muito amarelados com manchas profundas. Nesses casos, o indicado é aliar a profilaxia bucal ao clareamento para garantir um resultado mais potente. “O ideal é que essa limpeza seja feita antes de começar o clareamento dental. Durante o tratamento clareador, que dura em média três semanas, não há necessidade de uma limpeza no consultório”, conclui a dentista.

Participou dessa matéria a especialista:

Patrícia Almeida, dentista, especialista em reabilitação oral e estética, integrante da Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas (APCD).

Redação: Joanna Dark

Mais Recentes

Publicador de Conteúdos e Mídias