26.05.2021

Dor após a manutenção do aparelho fixo: por que isso acontece?

Entenda os fatores que motivam os incômodos após a manutenção do aparelho ortodôntico
Entenda os fatores que motivam os incômodos após a manutenção do aparelho ortodôntico

Lidar com a dor causada pela manutenção do aparelho fixo é certamente uma das piores partes do tratamento ortodôntico. Embora o incômodo seja a principal reclamação entre os pacientes, o procedimento é necessário para que ocorra a movimentação adequada dos dentes - já que sem ela não há nenhuma força que encaminhe os dentes à direção correta. Mas você sabe porque a manutenção do aparelho ortodôntico pode contribuir para dores e desconforto? Para esclarecer essa dúvida, o time de Sorrisologia conversou com a dentista Caroline Malavasi, que é especialista em ortodontia. Confira!

Dor após manutenção do aparelho ortodôntico: o que causa?

Não precisa saber muito sobre o tratamento ortodôntico para descobrir que o uso do aparelho fixo pode causar dores e incômodos em alguns momentos, especialmente nos primeiros dias de uso ou após a manutenção. De acordo com a especialista, o motivo por trás disso está relacionado à força aplicada nas raízes dos dentes.

Isso porque, tanto as células ósseas quanto as células dos tecidos que circundam essas raízes são estimuladas pela pressão que, por sua vez, diminui o fluxo sanguíneo na região, comprimindo as fibras nervosas presentes. “A combinação desses fatores desencadeia uma reação inflamatória, resultando na remodelação óssea e, por isso, o paciente sente o desconforto”, revela a Dra. Carolina. No aparelho fixo convencional, o “aperto” dos fios contra os bráquetes inicia a movimentação ortodôntica, o que é feito através da manutenção e colocação de novas ligaduras elásticas - as famosas “borrachinhas”.

O incômodo causado pelo aparelho fixo pode durar até 48 horas

Quando o assunto é tratamento ortodôntico, é comum se questionar sobre quanto tempo pode durar o desconforto causado pela manutenção do aparelho fixo. Nesse caso, a ortodontista adianta: o incômodo terá início em, mais ou menos, 12 horas após a consulta e deve aliviar de 36 a 48 horas após o procedimento. Além da dor na região, o paciente também pode apresentar sensibilidade dentária devido os ajustes no aparelho ortodôntico. No entanto, é importante ressaltar que se os sintomas persistirem, o ideal é entrar em contato com seu ortodontista para avaliar o que está acontecendo.

Evite o uso de medicamentos para aliviar a dor do aparelho ortodôntico

Ao lidar com o incômodo do aparelho ortodôntico, é comum que a primeira medida seja buscar formas para aliviar a dor. O uso de medicamentos, por exemplo, tende a ser a principal entre elas. Mas, segundo a profissional, é importante evitar esse tipo de hábito. “O uso de anti-inflamatórios pode interferir na movimentação dos dentes, atrasando o tratamento ortodôntico”, alerta Caroline. Nesses casos, o ideal é aguardar até 48 horas após a colocação ou manutenção do aparelho fixo para que haja a diminuição dos sintomas. Caso a dor seja muito intensa, o ortodontista deverá ser contatado e o uso de analgésicos poderá ser recomendado - mas sempre com prescrição médica.

Este artigo tem a contribuição do especialista:
Caroline Malavasi - Especialista em Ortodontia e mestre em Dentística pela Universidade Federal Fluminense, com consultório na Barra da Tijuca (RJ)

Rio de Janeiro - RJ

 


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal