6 passos para prevenir o mau hálito em crianças

Passe o fio dental antes da escovação. Dessa forma, é possível remover toda a placa que fica entre os dentes e limpar lugares que a escova não alcança.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Passe o fio dental antes da escovação. Dessa forma, é possível remover toda a placa que fica entre os dentes e limpar lugares que a escova não alcança.
Escolha uma escova de dentes com cabeça pequena e cerdas macias. Essa anatomia permite que a escova alcance melhor todos os cantos da boca, tendo uma higiene bucal mais eficaz.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Escolha uma escova de dentes com cabeça pequena e cerdas macias. Essa anatomia permite que a escova alcance melhor todos os cantos da boca, tendo uma higiene bucal mais eficaz.
Use creme dental com, no mínimo, 1000 ppm de flúor, desde o nascimento do primeiro dentinho para evitar cáries e mau hálito. Nos primeiros três anos, deve-se utilizar uma quantidade de pasta dental igual a de meio grão de arroz cru. Entre 3 e 6 anos, a quantidade deve ser parecida com a de um grão de arroz.  Acima de 6 anos, um grão de ervilha deve ser a quantidade ideal.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Use creme dental com, no mínimo, 1000 ppm de flúor, desde o nascimento do primeiro dentinho para evitar cáries e mau hálito. Nos primeiros três anos, deve-se utilizar uma quantidade de pasta dental igual a de meio grão de arroz cru. Entre 3 e 6 anos, a quantidade deve ser parecida com a de um grão de arroz. Acima de 6 anos, um grão de ervilha deve ser a quantidade ideal.
Não esqueça de limpar a língua. A saburra lingual é um dos principais causadores de mau hálito, sendo muito importante a sua eliminação durante a higiene bucal.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Não esqueça de limpar a língua. A saburra lingual é um dos principais causadores de mau hálito, sendo muito importante a sua eliminação durante a higiene bucal.
Estimule o consumo de água do seu filho. A água ajuda no funcionamento do organismo como um todo e é um dos responsáveis pelo fluxo salivar adequado essencial para um hálito saudável.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Estimule o consumo de água do seu filho. A água ajuda no funcionamento do organismo como um todo e é um dos responsáveis pelo fluxo salivar adequado essencial para um hálito saudável.
Mantenha visitas periódicas ao dentista. Assim como os adultos, os pequenos precisam estar com as consultas odontológicas em dia. Dessa forma, é possível ter um acompanhamento de sua saúde bucal e realizar a limpeza que previne diversas doenças.
6 passos para prevenir o mau hálito em crianças
Mantenha visitas periódicas ao dentista. Assim como os adultos, os pequenos precisam estar com as consultas odontológicas em dia. Dessa forma, é possível ter um acompanhamento de sua saúde bucal e realizar a limpeza que previne diversas doenças.
Passe o fio dental antes da escovação. Dessa forma, é possível remover toda a placa que fica entre os dentes e limpar lugares que a escova não alcança.
Escolha uma escova de dentes com cabeça pequena e cerdas macias. Essa anatomia permite que a escova alcance melhor todos os cantos da boca, tendo uma higiene bucal mais eficaz.
Use creme dental com, no mínimo, 1000 ppm de flúor, desde o nascimento do primeiro dentinho para evitar cáries e mau hálito. Nos primeiros três anos, deve-se utilizar uma quantidade de pasta dental igual a de meio grão de arroz cru. Entre 3 e 6 anos, a quantidade deve ser parecida com a de um grão de arroz.  Acima de 6 anos, um grão de ervilha deve ser a quantidade ideal.
Não esqueça de limpar a língua. A saburra lingual é um dos principais causadores de mau hálito, sendo muito importante a sua eliminação durante a higiene bucal.
Estimule o consumo de água do seu filho. A água ajuda no funcionamento do organismo como um todo e é um dos responsáveis pelo fluxo salivar adequado essencial para um hálito saudável.
Mantenha visitas periódicas ao dentista. Assim como os adultos, os pequenos precisam estar com as consultas odontológicas em dia. Dessa forma, é possível ter um acompanhamento de sua saúde bucal e realizar a limpeza que previne diversas doenças.

O mau hálito é uma doença bucal que também pode atingir crianças e adolescentes. Conhecido como halitose, o quadro pode estar relacionado a diversos fatores, que incluem má higiene bucal, cáries e doenças sistêmicas. Mas, ao descobrir o que causa mau hálito nessa idade, é possível eliminar e até mesmo prevenir o problema. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, nós conversamos com a especialista Vivian Marques que revelou um passo a passo de como evitar o mau hálito na infância. Veja só! 

O que causa mau hálito em crianças?

O mau hálito em crianças não é uma condição normal e pode ser sinônimo de diferentes problemas bucais. "A condição demonstra um desequilíbrio no organismo que precisa ser diagnosticado e tratado”, explica a dentista. Mas, antes de saber como acabar com mau hálito, é preciso entender as causas desse problema nos pequenos. Nesse caso, a ausência ou ineficiência da higiene bucal é uma das razões mais comuns deste quadro. Isso porque os resíduos acumulados nos dentes favorecem a proliferação de bactérias que resultam no mau hálito. 

Mas, além deste, existem outros motivos por trás do mau cheiro na boca. “A halitose infantil pode estar relacionada a doenças associadas ao sistema digestivo ou respiratório e fatores sistêmicos, como a diabetes. O baixo fluxo salivar, má respiração bucal, sinusite, amigdalite e alimentação com excesso de laticínios também podem estimular o mau hálito”, revela a especialista.

Identificar o mau hálito é fundamental para cuidar da saúde bucal infantil

Agora que você já descobriu o que causa mau hálito em crianças, é importante saber como identificar o quadro. De acordo com a dentista, é possível perceber o mau hálito nos pequenos ao sentir um odor diferente vindo da boca, o famoso “bafo”. Outro fator que também pode ajudar a detectar a halitose é a presença de manchas nos dentes. Isso porque a hiperpigmentação pode estar relacionada à má higiene bucal ou cárie que, por sua vez, também são fatores que provocam o mau hálito. Por isso, é importante estar atento ao sorriso do seu filho e, principalmente, à rotina de escovação dos seus dentes. 

Como acabar com o mau hálito durante a infância?

Ao contrário do que muitos pensam, acabar com o mau hálito é uma tarefa mais fácil do que se imagina. O primeiro passo é visitar o cirurgião dentista para um correto diagnóstico e tratamento, assim como pode ser preciso também o acompanhamento com o pediatra ou especialista.

Além disso, é necessário apostar em uma boa rotina de escovação. A higiene bucal é essencial para o tratamento, sendo necessário o auxílio dos pais até os 8 anos de idade, sem esquecer do uso do fio dental antes da escovação e de ter uma atenção especial ao limpar a língua”, finaliza a dentista. 

 

Este artigo tem a contribuição da especialista:
Vivian de Oliveira Marques - Cirurgiã dentista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro
CRO-RJ: 50874


TODAS AS MATÉRIAS: saúde bucal infantil